Quando o assunto é cirurgia plástica, o pós-operatório é uma etapa tão importante quanto o procedimento em si. Seguir as orientações do médico nesse período garante que a recuperação do paciente não apresentará nenhum tipo de problema, que a cicatrização ocorrerá normalmente e que os resultados serão satisfatórios.

Uma das recomendações comuns a vários procedimentos cirúrgicos – abdominoplastia, lipoaspiração, mamoplastia de aumento e muitos outros – é a drenagem linfática. Muitas pessoas fazem sessões de drenagem linfática pensando na estética, mas não conhecem suas vantagens para o pós-operatório.

Para saber como esse tratamento pode ajudar quem acaba de passar por uma cirurgia plástica, continue a leitura!

O que é drenagem linfática?

Muitos pensam que drenagem linfática é apenas uma técnica de massagem quando, na verdade, ela é mais do que isso. Com esse método estimula-se o sistema linfático, responsável pela defesa do organismo. A função da drenagem é acelerar o processo de eliminação de líquidos e resíduos metabólicos das células.

Além disso, ela auxilia na ação antiinflamatória, fortalece a imunidade, combate a celulite e estimula a regeneração dos tecidos. Ou seja, suas vantagens vão muito além da estética.

Mas é importante ressaltar que a drenagem linfática não elimina gordura, e sim líquidos. Pode-se perceber a diminuição de algumas medidas depois da sessão, mas isso é graças ao líquido eliminado, e não a perda de gordura. Caso o seu objetivo seja perder alguns quilos, o recomendado é praticar exercícios físicos e manter uma alimentação saudável e equilibrada, utilizando o procedimento como um aliado.

A drenagem linfática costuma ser realizada de forma manual, para que o profissional possa enxergar as áreas inchadas com precisão e trabalhar melhor nessas regiões. É importante frisar que apenas um especialista pode realizar esse procedimento e, portanto, o paciente deve ser criterioso em sua procura.

Como a drenagem linfática pode ajudar no pós-operatório?

No período pós-operatório, os traumas pelos quais o corpo passa durante o procedimento cirúrgico podem resultar em inchaços e hematomas que causam desconforto e mesmo dor no paciente. Dependendo de qual foi a cirurgia realizada, o corpo pode acumular uma quantidade de líquido maior do que está apto a drenar e, por isso, surge um inchaço na região operada.

A drenagem linfática não apenas ajuda a combater esse acúmulo de líquidos, mas também auxilia na recuperação do paciente, melhora a circulação sanguínea, diminui as dores e desconfortos e facilita a cicatrização da área.

Mas antes de começar a fazer as sessões de drenagem linfática após a cirurgia plástica, é essencial que o paciente converse com seu médico. O procedimento pode ser indicado para pacientes que passaram por vários tipos de cirurgias, de lipoaspiração a lifting facial. O cirurgião plástico é o único que pode dizer quando o paciente pode iniciar suas sessões e quantas serão necessárias.

Na maioria dos casos, o paciente deve ficar algum tempo de repouso – que pode ser semanas ou alguns poucos dias – para, então, começar a fazer as sessões. É possível ver algum resultado logo após a primeira sessão, mas apenas o tratamento completo fará a diferença na recuperação e na cicatrização da área operada.

Passar por uma cirurgia plástica é uma decisão importante, porque exige muitas responsabilidades. Os cuidados no período pós-operatório estão entre elas, pois garantem que o paciente terá os resultados esperados e não sofrerá com problemas de cicatrização. A drenagem linfática, como muitos dos cuidados, deve ser incluída na rotina do paciente para diminuir suas dores e desconfortos, além de ajuda-lo a eliminar o excesso de líquido produzido pelo corpo.

E tão importante quanto seguir as orientações médicas é ter certeza de que você está nas mãos de bons profissionais. Seu cirurgião plástico deve ser alguém de confiança, que tem especialização na área e que pode comprovar suas experiências. Não vá ao primeiro cirurgião que encontrar: pesquise bastante e converse com vários médicos para tomar sua decisão.

O mesmo vale para o profissional que realizará a drenagem linfática, um procedimento que deve ser feito da maneira correta para garantir bons resultados e deixar o paciente mais confortável durante sua recuperação. Peça indicações, confira as certificações dos profissionais e pesquise antes de tomar sua decisão. Isso garantirá um pós-operatório mais tranquilo e confortável.

Se você quiser saber mais sobre drenagem linfática, conheça esse e outros procedimentos realizados na clínica do Dr. Garabet.

Uma das cirurgias mais buscadas pelas mulheres é a prótese de mama, sendo também muito importante o cuidado no pré e pós-operatório.
Por isso confira os diferentes tipos de procedimentos para cada tipo de seios e descubra o mais indicado para você!