Quem não gosta daquela pele bonita e com um aspecto jovem que atire a primeira pedra! O rejuvenescimento facial está entre os principais objetivos quando o assunto é a busca das mulheres por procedimentos estéticos.

Mas, você sabe quais são as técnicas capazes de minimizar os efeitos do tempo no seu rosto? Abaixo, falaremos sobre algumas delas. Acompanhe!

Nove procedimentos para o rejuvenescimento facial 

Rugas, marcas de expressão, flacidez e sulcos são algumas das consequências do passar dos anos — e da aquisição de experiência de vida. Seja mais cedo ou mais tarde, esses efeitos chegam para todos, ainda que sejam mais visíveis em algumas pessoas do que em outras.

A boa notícia, no entanto, é que o campo da estética tem evoluído constantemente — criando soluções cada vez mais eficazes para qualquer que seja o desconforto estético do paciente.

Conheça, a seguir, os principais tratamentos para o rejuvenescimento facial:   

1) Toxina Botulínica

A toxina botulínica é usada no processo de rejuvenescimento facial especialmente para suavizar linhas de expressão — como as conhecidas como “pés de galinha” (as rugas ao redor dos olhos) — as linhas ao redor da boca e as rugas na testa.

Para alcançar tais efeitos, a toxina botulínica é injetada em músculos específicos da face do paciente, por meio de uma agulha bem fina, e age no enfraquecimento apenas dos músculos produtores de rugas — preservando, assim, as expressões faciais de quem se submete a esse processo.

2) Ácido Hialurônico 

O ácido hialurônico é uma substância preenchedora que pode ser aplicada no rosto de quem deseja aumentar os seus volumes faciais ou repor aquele volume que naturalmente é perdido ao longo dos anos. Com essa técnica, é possível nivelar sulcos que costumam ficar acentuados com o tempo, como é o caso do bigode chinês e das olheiras profundas; bem como eliminar ou, ao menos, suavizar rugas.

A aplicação do ácido hialurônico também conta com um método inovador: o MD Codes — abreviação para a expressão “Medical Codes” (Códigos Médicos). Esse procedimento consiste na aplicação do ácido em pontos específicos de cada região do rosto do paciente. O resultados, nesse caso, são a potencialização dos efeitos desejados. Saiba mais sobre esse método inovador de rejuvenescimento!

Leia também: Diferenças entre a toxina botulínica e preenchimento facial.

3) Microagulhamento

O microagulhamento é uma técnica usada para promover a produção de colágeno no organismo — proteína estrutural do corpo que contribui para a elasticidade, firmeza e resistência da pele.

O procedimento, também conhecido como Indução Percutânea de Colágeno por Agulhas (IPCA), é realizado por meio da introdução de microagulhas na pele que, aderidas a um rolo, fazem com que o corpo inicie um processo de cicatrização. Com a técnica, também é possível suavizar  manchas, cicatrizes e poros abertos, além de melhorar a textura e luminosidade da pele.

4) Sculptra 

Sculptra,  também chamado de Ácido Poli-L-Lático, é uma substância injetável em camadas profundas da pele, que também possui a função de estimular a produção de colágeno no organismo. Ou seja, a intenção da técnica é promover o rejuvenescimento facial  através  da  melhora da flacidez da pele.

5) Radiesse

O Radiesse é outro tratamento que ativa a produção de colágeno no organismo. Trata-se, no entanto, de um gel bioestimulador, composto por microesferas de Hidroxiapatita de Cálcio. Ele é usado, especialmente, para recuperar o volume e os contornos naturais da face do paciente. A substância é injetada, justamente, em regiões que, com o tempo, perdem o volume natural, ou que o paciente quer ressaltar — como bochechas, queixo, mandíbula e têmporas, por exemplo.

O gel bioestimulador também é aplicado para preencher rugas e marcas de expressão.

6) Silhouette

A Sutura Silhouette é um fio com efeito tensor que, através de uma agulha fina, é inserido entre a pele e a camada de gordura do rosto — em áreas como no contorno facial, na mandíbula, nas bochechas, nas maçãs do rosto, nas sobrancelhas e no pescoço — e também é capaz de estimular a formação de colágeno no organismo. Produzido com ácido polilático, ele é usado, ainda, para redefinir os contornos faciais, recuperar os volumes que foram perdidos e reduzir as rugas. Saiba mais sobre a técnica!

7) Lifting facial

Trata-se de um procedimento de rejuvenescimento facial que age através do reposicionamento dos tecidos enfraquecidos do rosto, que cedem com o passar dos anos. A técnica, que também chamada de ritidoplastia, é realizada por meio de incisões no couro cabeludo e no entorno das orelhas — por meio dessas incisões, faz-se o levantamento dos músculos da face, e retira-se o excesso de pele se necessário. Dessa forma, reduz-se também a flacidez, as rugas e as marcas de expressão.

Sobre esse procedimento, leia também:

8) Fios de Sustentação PDO

Compostos pelo chamado Polidioxanona (PDO), os fios de sustentação PDO também são usados para promover o reposicionamento e a sustentação dos tecidos do rosto e do pescoço. Inseridos por meio de uma agulha, em pontos específicos do rosto, esses funcionam para quem deseja eliminar ou suavizar o bigode chinês; levantar as maçãs do rosto; recuperar o contorno natural da face e pescoço; recuperar a firmeza e o aspecto liso da pele; e diminuir a indesejada e popular “papada”, aquela sobra de pele que se encontra logo abaixo do queixo.

9) Blefaroplastia

A blefaroplastia é um processo cirúrgico realizado nas pálpebras, com a intenção de tratar as bolsas de gordura palpebral —  aquele excesso de pele tanto na parte inferior quanto superior dos olhos. O objetivo da técnica é promover rejuvenescimento facial através da eliminação ou redução do semblante envelhecido ou cansado do paciente.

Leia também: Pensando em fazer cirurgia de pálpebras? Conheça os resultados e recuperação.

Interessou-se por alguns dos tratamentos citados acima? Gostaria de saber mais sobre o seu caso em específico? Então,entre em contato com a Clínica Dr. Garabet — tire suas dúvidas ou marque a sua avaliação!